Aos filhos de pais divorciados


Quem são as maiores vítimas de um divórcio? os filhos. É para eles esse post. Que conselhos eu teria para dar aos filhos de pais que se separaram? Existem dois tios de divórciados: aqueles em que um dos cônjuges saíram de casa levando mala e cuia e aqueles que vivem separados, mas debaixo do mesmo teto. Um tem um documento atestando o falecimento da relação, outro tem uma relação sepultada dentro de casa - mesmo. O que os filhos devem - e podem - fazer? 1. Não se culpem. Vocês são vítimas, não a causa da separação. 2. Ame e honre seu pai e sua mãe. Seus pais não são vilãos, malditos, endemoninhados. O amor, se não cultivado, morre como tudo na vida. Talvez um tenha mais culpa, mas seus pais não merecem o desprezo de vocês por isso. O mandamento de honrar pai e mãe não cessa depois do divórcio. è para a vida toda. 3. Ore por eles. Para eles é impossível, mas para Deus nada é impossível (até uma saborosa reconciliação). 4. Não seja pessimista quanto ao seu futuro. Nem todo homem é igual ao seu pai, nem toda mulher puxou a sua mãe. Creia: você pode fazer um belo e harmonioso casamento. 5. Se você perceber que sua mãe - ou seu pai - está num momento especialmente triste, console-a(o). Diga o quanto você é feliz por existir, graças a eles. Chegou a hora de por seus pais no colo, entende? 6. Se alguém provocar você sobre o divórcio de seus pais, afaste-se dessa pessoa. Ela não é amiga ou amigo. No meu tempo, quem ficava rondando carcaça era chamado de urubu. Xô, urubu! 7. Que o Senhor abençoe vocês muito. E a seus pais mais ainda. Se vocês sofrem, imagine a natureza do sofrimento deles (mesmo que aparentemente estejam bem naquilo que chamam de "nova vida").

Um comentário:

Anônimo disse...

Pr. esses conselhos são preciosos pq somente quem vivenciou essa experiencia sabe o quanto ela é difícil...
Somente Deus é capaz de fechar as feridas para termos a maturidade de colocar nosssos pais no colo.
annaraí

Receba mensagens desse blog no seu E-mail