Deus sempre avisa


Analisando algumas passagens bíblicas e de nossas vidas, percebi que Deus sempre avisa quando a gente está prestes a fazer uma grande besteira na vida. Deus sempre nos alerta sobre o perigo de nossas decisões erradas. O Senhor alertou Adão e Eva sobre as conseqüências do pecado: no dia em que dela comerdes, certamente morrerás. Eles desobedeceram e nenhum dos dois pôde alegar: o Senhor não nos avisou. Nosso Deus avisou a Caim que abortasse o desejo de assassinar o seu próprio irmão. Por que estás triste, Caim? Adorando com gratidão e graça, serás aceito. O pecado está diante de ti, cumpri a ti dominá-lo. Caim não dominou o pecado e pagou caro por desprezar o sinal amarelo de Deus. Da mesma forma, meu Salvador avisou a Judas Iscariotes. Judas fez ouvido de mercador e pagou com a vida. Conheço muita gente que quebrou a cara por desconsiderar a voz de Deus em seu coração (pode chamar de consciência, voz interior ou qualquer outro nome que quiser dar). Tem gente que perdeu um bom trabalho, destruiu a saúde, arruinou a família, faliu e perdeu toda a alegria da salvação. Deus sempre avisa, muitos de nós tapamos os ouvidos da alma para continuar na trajetória de prazer momentâneo e horror mais adiante. Agradeço ao Senhor pelas vezes sem fim que Ele me alertou. Senti muito mesmo às vezes em que prossegui assim mesmo, rumo ao fracasso e à dor. O Senhor nem sempre sussurra um alerta. Muitas das vezes grita para que repensemos nossas decisões. No intuito de nos salvar de nós mesmos, Deus manda amigos – a até inimigos! – tentar nos demover da gente causar o maior mal a gente mesmo. Preste mais atenção às vozes de advertência vindas do Céu e do seu coração. Talvez seja o Senhor querendo te poupar de grandes angústias futuras.

Nenhum comentário:

Receba mensagens desse blog no seu E-mail