Barrados no Céu



Não sabeis que os injustos (que ou aquele que não é justo; contrário à justiça; iníquo; demasiado severo) não herdarão o reino de Deus? Não vos enganeis: nem os devassos (libertino; licencioso; dissoluto), nem os idólatras ( que ou quem adora os ídolos; que ama alguém, em excesso, ou que quer demasiadamente a alguma coisa), nem os adúlteros (cônjuge infiel; que comete adultério sistematicamente), nem os efeminados (adamado; amaricado; mole; voluptuoso), nem os sodomitas (de Sodoma, ato sexual que envolve relações anais, entre um homem e uma mulher ou entre homossexuais masculinos), nem os ladrões (que ou o que furta ou rouba; salteador; ladroeiro; sem fazer barulho; sem ser pressentido), nem os avarentos (que ou aquele que tem avareza; mesquinho, somítico), nem os bêbedos (ébrio; bêbado; extasiado; inebriado; cego de paixão), nem os maldizentes (que ou pessoa que tem má língua; difamador; intriguista), nem os roubadores (que ou aquele que rouba) herdarão o reino de Deus (I Co 6:9)
Alem desses, ficarão de fora os cães, os feiticeiros, os adúlteros, os homicidas, os idólatras, e todo o que ama e pratica a mentira (Ap 22:15). A solução para nosso estado é a promessa do Evangelho de Jesus Cristo: Bem-aventurados aqueles que lavaram as suas vestes no sangue do Cordeiro para que tenham direito à arvore da vida, e possam entrar na cidade pelas portas" (Ap 22:14).

Nenhum comentário:

Receba mensagens desse blog no seu E-mail