Os dez hábitos dos crentes realmente felizes


Hábito é costume arraigado. Aquilo que a gente repete naturalmente, sem esforço. Para virar hábito é preciso vontade e esforço. Ao final do processo se transforma em uma saudável rotina. Tem muita gente transmitindo uma imagem de felicidade. E só. Por dentro, entretanto, só elas sabem o quanto são infelizes. Compartilho, com você, os 10 hábitos dos crentes realmente felizes.

1. Gostam de si mesmas. Valorizam-se. Querem ser elas mesmas, não xerox de algúem.

2. Dão sempre o melhor de si. Quando fazem, fazem com paixão. Maldito o homem que faz a obra do Senhor relaxadamente. Se não pode fazer tudo, faça tudo que pode. Não são perfeccionistas, mas querem a excelência no que executam. Não se contentam com a mediocridade.

3. Sabem dizer não. É impossível agradar a todos, o tempo todo. Dizer sim a todos é o caminho mais fácil para o estresse e a anulação de sua individualidade.

4. São humildes. Deus resiste aos soberbos, dá porém graça aos humildes. A soberba precede a ruína, a altivez de espírito, a queda. Sabem de onde vieram, e sabem quem os abençoou.
5. Perdoam o inimigo, mas não confundem ele com amigo. Perdoe sempre e o mais rápido possível. É melhor a angústia de sofrer o dano que a angústia do ressentimento. Mas, cuidado para não ser sadomasoquista - ter um prazer mórbido em apanhar regularmente do inimigo.

6. Jamais desistem de seus sonhos. São nossos sonhos que nos mantém vivos. José do Egito sonhou. O seu sonho o manteve estável nos piores momentos de sua vida.

7. Fazem o bem. Daí e dar-se-vos-á, boa medida, sacudida, transbordante vos darão. Mais bem-aventurado é dar que receber. O caminho para a infelicidade é fazer o mal, enganar, ser egoísta, não perdoar, pagar o mal com o mal. Como Deus ungiu a Jesus de Nazaré com o Espírito Santo e com virtude; o qual andou fazendo bem, e curando a todos os oprimidos do diabo, porque Deus era com ele.

8. São bem-humoradas. Li uma citação engraçada: Quando nasci fiquei tão surpreso que passei um ano e meio sem falar. Humor fino, inteligente. Tem gente que ri do outro e diz que isso é ser bem-humorado. Não, é ser mal-educado. Ria com os outros, nunca dos outros.

9. Filiam-se a um ministério saudável. Tem religiões por aí que são verdadeiras fábricas de loucos. Precisamos hoje de igrejas contextualizadas, modernas - saudáveis espiritual e emocionalmente.
10. São discípulos de Jesus Cristo. Discípulos são seguidores, andam com Jesus, aprendendo Dele. Paulo, já velho, perto da morte (que é quando vemos se uma pessoa foi ou não feliz), disse: Combati o bom combate, acabei a carreira, guardei a fé. Já agora a cora da justiça me está reservada a qual o Senhor, justo juiz, me dará naquele dia.

Nenhum comentário:

Receba mensagens desse blog no seu E-mail