Valentia no sofrimento



Um dos textos mais enigmáticos do livro de Apocalipse é um encorajamento de Jesus aos crentes da Igreja de Esmirna: nada temas das coisas que hás de padecer. Não temer sofrimento? Impossível, respondemos. Ninguém gosta de sofrer. Sofrimento pressupõe tribulação, angústias, perdas, aperreio, morte... naturalmente, queremos distância de tais coisas. Jesus, entretanto, tem, pelo menos, quatro boas razões para nos confortar com esse excepcional “nada temas”. Os mais importantes cristãos da história são os que enfrentaram grandes sofrimentos. O melhor médico é o que já passou pela enfermidade. Sofrimento é inevitável. Mas, Deus transforma o sofrimento na vida de seus filhos em amadurecimento, aprimoramento e vitória. Ademais, quando a gente teme alguma coisa ela se agiganta. O medo tem o terrível poder de nos apequenar e de dar contornos fantasmagóricos às nossas preocupações. Enfim, quando vivemos com medo de sofrer, acabamos gerando a ambiência para que o temido se concretize. Foi Jó quem disse:. aquilo que temia me sobreveio; e o que receava me aconteceu (3.25). Diante do sofrimento, ore, chore, clame, mas não tema. Seja valente!

Nenhum comentário:

Receba mensagens desse blog no seu E-mail