Eles conseguem o grande feito de estar sempre errados


Os fariseus sempre conseguem se superar. Acho que se esforçam muito. Eles conseguem sempre estar errado, qualquer que seja o assunto tratado com eles. Incrível! Se o tema é mulher, eles logo querem a sujeição pura e simples a todos os homens. Nisso, se assemelham demais ao Taliban. Se o tema é dinheiro, eles afirmam que dinheiro é coisa do diabo! Isso para consumo das massas, pois interiormente nunca vi gente para amar ao dinheiro e ao poder e ao luxo com tanto apego. Os fariseus erram quando o tema é criação de filhos, implantaçao de igrejas, cuidado pastoral, alegria, vida cristã, casamento, namoro... até na criação de canário do império! O motivo de tal obtusidade talvez seja a soberba, tão comum a eles. Sua empáfia não os deixa enxergar o espírito da Palavra. Matam a Palavra usando a letra morta de suas leis e preconceitos. Eu sinto muito quando vejo a mudança que o farisaísmo faz na vida de quem deu brecha ao legalismo. São pessoas assustadas, psicologicamente instáveis, artificiais, negativas. Amam as instituições a que pertencem e maltratam quem as ama, se quem as ama critica suas falsas convicções. Os fariseus conseguiram um feito surpreendente, digno de figurar no livro dos recordes: estão sempre errados.

Nenhum comentário:

Receba mensagens desse blog no seu E-mail