No meu tempo...


No meu tempo
Eu sou do tempo em que a gente não se ressentia de ser criticado por causa da fé no Evangelho de Jesus Cristo. Eu sou do tempo em que a gente se convertia e deixava de ser idolatra. Eu sou do tempo em que os crentes liam, estudavam e amavam a Palavra de Deus. Eu sou do tempo em que a gente dava o nosso melhor para o Senhor. Eu sou do tempo em que a gente buscava, no Evangelho, a face do Senhor. Hoje, nfelizmente, se busca o bolso do Senhor. Eu sou do tempo em que Deus mandava na vida do crente. Eu sou do tempo em que a gente era grato ao Senhor – e gostava de dar testemunho do amor de Deus por nós. Eu sou do tempo em que a gente chorava no culto, emocionado com a presença de Deus. Eu sou do tempo em que os pastores serviam por vocação, não como profissão, nem para ficar rico. Eu sou do tempo em que a gente se convertia e mudava de vida quando se arrependia. Eu sou do tempo em que a gente morava longe e não chegava atrasado para cultuar ao Senhor, nas diversas reuniões da Igreja.

Nenhum comentário:

Receba mensagens desse blog no seu E-mail