Isso não!


A Igreja de Jesus Cristo precisa sair de cima do muro. Os pregadores foram domesticados. Já não se houve as admoestações, os ensinos, os princípios evangélicos do Evangelho, conforme pregados por Jesus Cristo e, em seguida, por seus apóstolos. Uma vez na mídia, fomos silenciados. Talvez por medo de represálias judiciais, preferimos nos omitir. O tempo do politicamente correto acabou com a voz profética da igreja. Eu não sou de outro mundo. Também sofro a pressão. Viramos Pedro ao redor da fogueira: aquecido, totalmente integrado e totalmente acovardado. Quero listar 15 coisas que a gente precisa dizer, alto e bom som: "Isso não!" (Só 15, por causa do pouco espaço). Então, lá vai:

1. Casamento de pessoas do mesmo sexo, numa igreja evangélica? "Isso não!"

2. Se prostrar, acender vela, conduzir em adoração uma imagem de escultura? "Isso não!"

3. Casar, descasar, casar de novo, descasar, casar de novo...? “Isso não!”

4. Desviar os dízimos e as ofertas da igreja para enriquecer? “Isso não!”

5. Misturar igreja com política? “Isso não!”

6. Pastor que mais parece o Conde Drácula? “Isso não!”

7. Sexo antes do casamento? “Isso não!”

8. Substituir a Boa Nova do Evangelho pela pregação da Lei? “Isso não!”

9. Formalismo no culto? “Isso não!”

10. Confundir emocionalismo com unção do Espírito? “Isso não!”

11. Teologia da miséria? “Isso não!”

12. Teologia da Prosperidade? “Isso não!”

13. Tratar o pecador com soberba? “Isso não!”

14. Transformar cristãos em fanáticos religiosos? “Isso não!”

15. Ensinar heresias? “Isso não!”

Nenhum comentário:

Receba mensagens desse blog no seu E-mail