Sete limites do diabo na vida de um homem de Deus


O livro de Jó é um dos livros mais estimulantes para mim. Gosto da narrativa, da ação de Deus, do diabo, de Jó e de seus parentes e amigos. Livro que deveria ser lido, não só por quem sofre, mas por todos nós, com um respeito muito grande pela dor de Jó - sobretudo pelas ações e pelas suas palavras. Como costumo dizer, Jó é um "livro de gente grande". Compartilho com você, sete limites do diabo na vida de um homem e de uma mulher de Deus.

1. O diabo pode caluniar e difamar um homem de Deus, mas não pode impedir Deus de se orgulhar dele! Jó 1.8

2. O diabo pode dilapidar as riquezes e destruir as pessoas que um homem de Deus mais ama, mas não pode impedir o louvor e a adoração dele! Jó 1.20

3. O diabo pode afligir um homem de Deus com as piores enfermidades, mas não pode aniquilar sua fé. Jó 2.10

4. O diabo pode levar um homem de Deus a desesperar da própia vida, mas não pode impedi-lo de confiar e esperar integralmente no Senhor. Jó 13.15

5. O diabo pode tentar um homem de Deus com as mais cruéis tribulações, mas não pode tirar do seu coração a esperança de que dias melhores virão. Jó 19.25

6. O diabo pode jogar um homem de Deus no cativeiro, mas não pode impedir de Deus tirá-lo de lá no tempo certo. Jó 42.10

7. O diabo pode investir pesado contra a vida de um homem de Deus, mas não pode impedir o bom plano de Deus para sua vida. Jó 42.16,17

Nenhum comentário:

Receba mensagens desse blog no seu E-mail