Sou esquentado demais... socorro!


Uma das piores fraquezas do ser humano é "ter a cabeça quente", possuir um temperamento explosivo. Como um vulcão, mitas pessoas não conseguem deter a lava incandescente que sai de dentro, danificando, queimando, destruindo e matando tudo quando eclode. Esse comportamento me lembra o Incrível Hulk. Depois que passa, a explosão de cólera gera frustração, vergonha e constrangimento. Por isso, é fundamental se controlar. Como podemos controlar o acesso de raiva? Moisés surge na Bíblia matando e ocultando o corpo de um egípcio, de tanto ódio que teve. Se fosse libertar os hebreus do Egito à base de homicídio, levaria 20 mil anos. Tempos depois, a Bíblia afirma que Moisés era um homem "mui manso". Como ele conseguiu? Como Deus mudou Moisés? Primeiro, Moisés passou 4o anos no deserto, longe do desejo de consertar o mundo à base de ignorância. A gente precisa cultivar um lugar de refúgio. Todo dia, separe minutos para ficar a sós, longe das injustiças do mundo. Descanse e relaxe. Segundo, Moisés teve uma experiência com o Senhor que transforma temperamentos destemperados. A gente precisa descansar no Senhor. Jesus é o Príncipe da Paz. Nele, entendemos que todos somos pecadores, falhamos, erramos, nos equivocamos. Trate as pessoas com a mesma disposição que você gostaria que as pessoas tratassem você. Quando Deus propôs destruir os hebreus e fazer de Moisés uma nova geração, a Bíblia mostra um novo Moisés, intercedendo pelos rebeldes . "Senhor, ainda dá... Reconsidere!". Estava definitivamente curado da brabeza. Terceiro, aprenda a esperar o tempo de Deus. Tudo tem seu tempo. Deixe Deus ser a sua justiça. Os irmãos de Moisés o feriram com a língua por ter casado com uma mulher que eles desaprovavam. Moisés não buscou reparação. Não se exasperou. Não revidou. Não arrancou os cabelos. Deixou para lá. Deus, em seu tempo, agiu, punindo os fofoqueiros e exaltando Moisés. Tenho certeza que, mais dia menos dia, Deus fará justiça em sua vida. Ao invés de chutar o pau da barraca, aprenda a esperar no Senhor.

Nenhum comentário:

Receba mensagens desse blog no seu E-mail