Touro indomável


Martin Scorsese dirigiu Touro Indomável em 1980, a história real de Jake LaMotta, um pugilista conhecido como Touro Enraivecido. O filme mudou a forma de fazer cinema na década de 80. O drama conta a vida Jake LaMotta, um filho de imigrantes italianos, que se torna pugilista da categoria peso-médio e era conhecido como "o touro do Bronx". Touro Indomável deu o oscar de Melhor Ator Principal para Robert De Niro, além de papar o de melhor Edição.

Um dado interessante: "para convencer o diretor Martin Scorsese de que poderia interpretar o pugilista Jake LaMotta, Robert De Niro treinou boxe durante um ano com o próprio LaMotta e ainda engordou 25 quilos para interpretar o pugilista aposentado". Por que indico esse filme? Porque o filme é visceral. Tem gente demais como Jake LaMotta, que tem tudo para ser feliz, mas destrói tudo que de mais valioso tem por causa de seu temperamento colérico. Alguns de nós somos como touros: seres introláveis, grossos, estúpidos, destruindo tudo com os punhos, m elefante solto numa loja de cristais. Sem civilidade, o homem acaba com sua carreira, arruína sua família, desgraça sua vida e vira um ser desprezível. Dá para sentir compaixão enquanto vemos sua descida vertiginosa rumo à quase decadencia. Touro Indomável não é só um filme: é uma tocante lição do que NÃO fazer com a vida.

Nenhum comentário:

Receba mensagens desse blog no seu E-mail