Os padres pedófilos de Arapiraca e o papagaio perdido no Recife


Esse semana foi uma semana bastante interessante para mim. De férias, tive a oportunidade de ler jornais com mais atenção e assistir alguns programas que geralmente passo batido. Duas notícias foram bem marcantes: uma li nas páginas dos jornais de Pernambuco, outra foi foi veiculada pelo SBT, num programa de investigação policial. A primeira notícia dava conta de uma senhora que perdeu o seu papagaio. Desesperada, ela pôs anuncio no jornal oferecendo uma recompensa de mil reais para quem desse informação sobre o paradeiro do animal. A segunda era sobre o caso de pedofilia envolvendo uns padres que abusasaram durante anos dos coroínhas em Arapiraca, Alagoas. A mulher que queria dar dinheiro para quem lhe trouxesse a ave, depois de veiculado a oferta no jornal, já na manhã do dia seguinte, foi severamente autuada e punida pelo Ibama: terá que pagar uma multa de R$ 5.000,00. Não vi a mesma movimentação dos orgãos oficiais sobre os padres abusadores. O relações píblicas do Vaticano no Brasil, um jovem bem vestido (parece que grava CD também), afirmou placidamente: "Pedofilia acontece desde que o mundo é mundo, em todas as civilizações, em todo lugar" Pela afirmação, concluo que o problema é tão grave e tão corriqueiro nas sacristias que ele vei0 a público quase defender a... prática! Não é crime encobrir e fazer apologia da pedofilia? A questão que coloco é: o padre foi preso, como manda a Lei? A mulher do papagaio vai ter que gastar cinco mil. Se fosse um pastor, receberia o mesmo tratamento que o padre de Arapiraca? Não. Acho que teria sido linchado pela população, a casa dele invadida e saqueada. Os padres pedófilos, que obrigavam os coroínhas a penetrar neles e fazer sexo oral com e neles, serão alcançados pelo Justiça, pelo aparato policial e pela opinião pública? Ou quem serão punidos serão os coroínhas seviciados e o jornalista que, ousado, fez a reportagem? Tô com pena da mulher do Recife. Tô com pena dos coroínhas de Arapiraca. Pedófilo é tudo igual. Mas, se for padre, é só mudar de paróquia. Observação: o "lôro" não foi localizado ainda.

2 comentários:

Katy disse...

A paz do Senhor para todos!
Pois é... A devassidão tomando conta do mundo é um dos sinais do fim dos tempos... As pessoas já não dão valor ao q realment é important! Um papagaio é mais important do q os valores morais d uma pessoa, mais important do q atentado violento ao pudor, qr dizr, dependendo do praticant do ato como o pastor já disse. A política atual anda lado a lado com a Igreja Católica! O q é a Igreja Católica se não é a grande meretriz do Apocalipse? Ela é cheia d sujeira e é a mais beneficiada pelos líderes da Terra, os erros cometidos são rapidament escondidos debaixo do tapet! Além disso, já derramou e continua derramando sangue dos justos!
"Veio um dos sete anjos que têm as sete taças e falou comigo, dizendo: Vem mostrar-te-ei o julgamento da grande meretriz que se acha sentada sobre muitas águas, com quem se prostituíram os reis da terra; e, com o vinho de sua devassidão, foi que se embebedaram os que habitam na terra. Transportou-me o anjo, em espírito, a um deserto e vi uma mulher montada numa besta escarlate, besta repleta de nomes de blasfêmia, com sete cabeças e sete chifres. Achava-se a mulher vestida de púrpura e de escarlata, adornada de ouro, de pedras preciosas e de pérolas, tendo na mão um cálice de ouro transbordante de abominações e com as imundícias da sua prostituição. Na sua fronte, achava-se escrito um nome, um mistério: Babilônia, a grande, a mãe das meretrizes e das abominações da Terra. Então, vi a mulher embriagada com o sangue dos santos e com o sangue das testemunhas de Jesus; e, quando a vi, admirei-me com grande espanto." (Apocalipse 17.1-6)

katiannybsilva disse...

correção: a besta tem sete cabeças e dez chifres e não sete!!! perdoem meu erro de digitação caros leitores!!!
Obrigada
Deus vos abençoe

Receba mensagens desse blog no seu E-mail