Sorria... para você não perder o dia!


1. Uma menina estava conversando com a sua professora. A professora disse que era impossível que uma "baleia" engula um ser humano porque,apesar de ser um mamíferomuito grande, a sua garganta é muito pequena. A menina afirmou que Jonas foi engolido por uma baleia.Irritada, a professora repetiu que uma baleia nãopoderia engolir nenhum ser humano; era fisicamente impossível.A menina, então, disse: -'Quando eu morrer e for aocéu, vou perguntar para o Jonas'..A professora lhe perguntou: -'E o que vai acontecerse Jonas tiver ido para o inferno?'A menina respondeu: - 'Então é a senhora que vai perguntar.'

2. Uma professora de creche observava as crianças desua turma desenhando.Ocasionalmente passeava pela sala para ver ostrabalhos de cada criança. Quando chegou perto de uma menina que trabalhavaintensamente,perguntou o que desenhava. A menina respondeu: - 'Estou desenhando Deus.' A professora parou e disse: - 'Mas ninguém sabe como é Deus.'Sem piscar e sem levantar os olhos de seu desenho, amenina Respondeu:'Saberão dentro de um minuto'.

3. Uma menina de sete anos admitiu calmamente a seuspais que Luís Miguel havia lhe dado um beijo depois da aula.- 'E como aconteceu isso?' Perguntou a mãe assustada.- 'Não foi fácil', admitiu a pequena senhorita, 'mas três meninas me ajudaram a segurá-lo'.

4. Um dia, uma menina estava sentada observando suamãe lavar os pratos na cozinha.De repente, percebeu que sua mãe tinha várioscabelos brancos que sobressaíam entre a sua cabeleira escura.Olhou para sua mãe e lhe perguntou: - 'Porque vocêtem tantos cabelos brancos, mamãe?'A mãe respondeu:-'Cada vez que você faz algo de ruim e me faz chorarou me faz triste, um de meus cabelos fica branco.' A menina digeriu a revelação por alguns instantes e disse:-'MÃE! Porque TODOS os cabelos de minha avó estão brancos?'

5. Um menino de três anos foi com seu pai ver umaninhada de gatinhos que haviam acabado de nascer. De volta a casa,contou com excitação para sua mãe que havia gatinhos e gatinhas.-'Como você soube disso?' perguntou a mãe.-'Papai os levantou e olhou por baixo', respondeu o menino.. -'Acho que ali estava a etiqueta'.

6. Todas as crianças haviam saído na fotografia e a professora estava tentando persuadi-los a comprar uma cópia da foto do grupo.-'Imaginem que bonito será quando vocês forem grandes e todos digam: ali está Catarina, é advogada, ou também 'Este é oMiguel. Agora é médico'.Ouviu-se uma vozinha vinda do fundo da sala: -'E ali está a professora. Já morreu!

Um comentário:

Anônimo disse...

Caro Pastor, a vida realmente nao eh facil, nunca fui feliz, salvo as vezes que pensei que fosse, meus empregos foram uma verdadeira aflição, (desempregado) sou pobre e de familia simples, feio e pra piorar, um perfeito idiota.

nao tive amores em minha vida, apenas desilusões, tenho quase 30. sei que nao vai me entender, vai pensar q sou so um cara tentando chamar a atencao. vc nao saberia como eh viver sem as coisas basicas da vida.

tetei acreditar por varias vezes q Deus existe e que essa aflicao vai passar, me enganei. em igrejas evangelicas encontrei apenas palavras bonitas e emocao (gente chorando e dizendo que é deus). ate tentei chorar tbm....

sei q nao vai se emportar com esse e-mail, vc tem sua familia, mulher q a ama, um bom emprego e um salario na igreja (nao critico aqui o salario de pastor). alguem com tudo na mao nao entenderia quem é um perfeito idiota.

nao espero q va se despedir de mim, o unico q vai lucrar aqui é ze bezerra. nao sabera quem sou. parabens é um homem dotado de grande inteligencia e força de persuasao. se houver um julgamento... ate lá.

eddie - um cara tao idiota que a vida nem sabe quem é -

ps.

sei que vai dizer que to murmurando ou esse monte de frases prontas que os evangelicos tem, eu estou desabafando e me despedindo.

Receba mensagens desse blog no seu E-mail