Como lidar com um marido idiota


Antes de mais nada, gostaria de definir um marido idiota. Nem todo tolo é um cônjuge ruim. Mas, todo marido idiota é igualmente idiota nas demais áreas de sua vida. Defino como marido idiota aquele que não aproveita a vida de casado, que é estúpido no tratamento que dispensa à esposa, que foge de suas responsabilidades como provedor de seu lar, que se submete à ditadura imposta por sua esposa e, pior, pelos amigos ou que, simplesmente, é um quadrúpede. Abaixo, listo algumas atitudes para você conviver com seu esposo, caso ele seja um idiota que está te levando à loucura.

1. Você nunca deveria ter casado com ele. Falta de aviso, com certeza, não foi (desculpe, é que não me contive de “passar na cara”. Foi uma deselegância, perdão. Mas, seja sincera, quem casa com idiota...)

2. Tente mostrar, sem escândalo, o que ele está perdendo. Aproveite os períodos de relativa tranqüilidade dele e tente fazer o tolo ver como o casamento de vocês poderia ser mais prazeroso e produtivo.

3. Tente fazê-lo ouvir o que ele diz. Um procedimento simples: quando ele disser uma asneira, pergunte, com calma (ele é um asno, nunca se esqueça!): você ouviu o que acabou de dizer? Diga sem ironia, sem desejo de humilhá-lo. É um procedimento infalível.

4. Estimule seus brios masculinos. Elogie quando ele tomar decisões acertadas e justas. Até os idiotas acertam, de vez em quando. Incentive esses momentos com pequenas sugestões, tão pequenas que ele não perceba sua intenção de ajudar. Como Chaves, entende? Sem querer, querendo!

5. Não se exaspera com as pequenas idiotices dele. Seu problema é quando ele comete as grandes. Marido idiota nunca vai deixar de ser idiota. O que você pretende é que ele pratique menos idiotices na vida, principalmente que pratique as idiotices menos prejudiciais a ele, a você e a vocês.

6. Compartilhe com ele o seu limite de idiotices. Deixe claro que uma grande asneira por parte dele não será tolerada nem ficará impune. Ponha, claramente, limite nas idiotices dele. “Você não é mais criança, nem eu sou palerma”, diga, “não vou tolerar a venda da casa sem meu consentimento, nem mudar de cidade sem antes ter minha permissão, nem faça débitos com meu dinheiro e, nunca, mas nunca mesmo, arranje uma sócia para mim!” Não converse com um idiota através de sinais de fumaça, indiretas, parábolas ou enigmas. Seja direta, franca e clara. Fale como quem explica a uma criança de dois aninhos que fazer pipi no abajur não é atitude largamente aprovada pelos adultos. Com jeito, ele vai entender.

7. Não seja idiota também. Um idiota na família já é o suficiente. Seja ponderada, precavida, previdente, mansa, equilibrada, sadia. Cuide de você, dele e de seus filhos com amor, carinho e desprendimento. Seja uma boa ouvinte, tenha calma e faça bons investimentos. Não dependa dele, dependa de você. Mais forte que um idiota, só uma pessoa sábia. Como cremos, a mulher sábia edifica a sua casa. A tola a destrói.

13 comentários:

Ruth disse...

Incrível como define bem a maneira de se tratar uma pessoa difícil de se conviver. Adorei as dicas vou usá-las concerteza.

Anônimo disse...

Eu Acho que idiota com certeza e esse band de vadias putas que nao tem nenhum macho com Sanaa consiencia que as queira podem escrever tamanha estupidez Comoros essa Voces Sao dignas de Pena Fell so bad

Débora Lopes disse...

Nossa!! amei o blog, muito rico de informações... estarei sempre por aki...abçoss

Anônimo disse...

Sinceramente, conteúdo pobre e desmotivador

Anônimo disse...

Corre corno vai buscar sua mãe e sua mulher a zona jà fechou...

Anônimo disse...

oiii

Anônimo disse...

bom! vimos uma demonstração de idiotice do Anônimo. Muito bom o blogue, adorei as dicas.

Unknown disse...

Muito bom! Esse anônimo deve ser um homem idiora!

Unknown disse...

Homem idiota

Anônimo disse...

Esse anônimo me parece mais estilo baile da favela pelo baixo calão das palavras

Anônimo disse...

Adorei!!! Se eu não esquecer que ele é um idiota tudo vai dar certo.

Poly Carla disse...

Um pastor que se preza e busca orientar de verdade suasovelhas deveria ter uma linguagem mais educada...você pode sim ser direto, dizer verdades, sem precisar baixar o nivel...sinceramente nãonada de edificante

Anônimo disse...

bem, este post nos mostra toda verdade. As esposas sempre levam toda responsabilidade de melhorar o relacionamento. Os idiotas vão sempre ser idiotas, quem vive com eles que se quiser acostume, mude o jeito de falar de agir, tenha calma, paciência.Sinceramente não gosto desse ditado dos mais idiotas que já ouvi dizer que a mulher sábia edifica sua casa. A tola a destrói. A casa tem e deve ser edificada pelos dois os dois lados tem que se doar compreender, ser bons ouvintes, cuidarem da casa dos filhos juntos."Você nunca deveria ter casado com ele." humm Tá bem 99% dos idiotas antes de casar são enganadores encantadores.

Receba mensagens desse blog no seu E-mail